Dica de receita #2

Junte o meu ócio ao pedido da Bruna :D e vai resultar nesse post! haha

Eu nunca fui tão cozinheira na minha vida, como estou sendo agora. Antes de casar, quando morava com minha mãe, eu só ia na cozinha pra comer mesmo. E aí do nada, me interessei mais pra aprender sobre culinária. E eu vi que isso pode virar uma terapia. É super legal colocar a mão na massa, e quanto mais difícil e trabalhosa a receita, mais "diversão" você vai ter.

Essa torta de frango, foi um dos meus primeiros testes culinários. A primeira vez que fiz, a gente tava morando em Madrid, e até nosso amigo italiano Jacopo provou dela, ficou muito seca a massa HAHAHA Daí os meninos comiam e pra me agradar, quase entupidos, eles diziam: Pô, tá boa mesmo! Relaxa! Passaê um copo d'água! kkkkkkkk E depois, adquirindo mais prática, eu fui acertando.

Então, vamo lá! ACOOOOOOOOOOOOOOOORDA MENIIIIIIIIIIIIINAAAA! haha

Torta de Frango: 
Pra começar, eu cozinho 1 peito de frango (mais ou menos) com poucos temperos (não gosto de coisa muuuuuito temperada), como está na foto: 2 dentes de alho amassados, um fio de azeite, 5 bolinhas de pimenta do reino, 1 copo de água e 1 tempero pronto de frango da Knorr (eu gosto desse que parece uma gelatina, mas o tablete também serve).

Depois de cozido, desfia.

Enquanto tá cozinhando esse frango, eu vou preparando a massa:
As medidas são bem relativas, porque depende do tamanho que você quer a torta, mas não tem erro.
A minha forma é bem pequena e rasa, pra ela eu geralmente utilizo: umas 3 xícaras de farinha de trigo, 2 colheres de chá de sal, queijo parmesão ralado (a quantidade que desejar), 1 ovo inteiro (mas sem casca, hein? :P hahaha) e umas 3 colheres de manteiga. Tudo vai depender do ponto, e o ponto é quando a massa solta completamente da sua mão. Siiiiim, vai ter que melecar tudo! haha (Nas primeiras vezes eu bem fazia com luvas, depois fui desencanando! :P). Daí você vai colocando aos poucos a manteiga, até ficar tudo bem homogêneo, unido e, como eu disse, soltando da sua querida mão. Eu sugiro cortar as unhas pra fazer isso, senão, já viu né? HAHA Ou então, usa as luvas. Mas, brincadeiras a parte, você vai achar o tal ponto. Não tem erro mesmo.

Depois que o frango tá cozido e desfiado, eu começo a preparar o recheio:
As quantidades também são relativas. Mas no meu caso, para 1 peito de frango, eu utilizo 1 colher de manteiga mais 1 cebola média cortada em cubinhos e deixo dourar. Coloco o frango, vou misturando até este pegar o sabor da cebola. Depois eu adiciono meia lata de milho e a mesma quantidade de azeitonas, espero mais pra evaporar um pouco da água que eles soltam. Depois eu coloco 2 colheres de cream cheese Philadelphia (esqueci de colocar no gif) + 2 colheres de mascarpone, parmesão (a gosto, mas pra mim quanto mais melhor haha Eu adoro!). Quando eu acho que tá muito "duro" (hahah desculpem os termos nada culinários), eu coloco um pouco de creme de leite, sabe? E pra finalizar cheiro verde a gosto.

Bem, eu utilizo esses ingredientes porque eu gosto bem assim "branquinho" (não gosto muito daquele recheio muito pesadão e "cor de laranja"), mas cada pessoa pode fazer como gosta. Dá pra trocar os queijos por outros também. Pra ficar mais light, pode usar creme de ricota, por exemplo. Quem não achar o Philadelphia (acho difícil hein? é muito orkutizado!) e o mascarpone, pode usar até requeijão que acho que fica bom também! Dá pra criar muita coisa.

Depois que tá pronto, eu deixo esfriando e vou abrir a massa com um rolo (que também serve pra bater no marido, que nessas horas já tá chorando de fome e resmungando! hahaha):
Também pode cobrir amassando a massa (nossa! Tá certo isso? haha) na própria forma, eu gosto de abrir com o rolo, porque eu gosto da massa bem fininha. Vai de gosto mesmo. Não pode esquecer de fazer furinhos com o garfo, hein? Aí, você me pergunta: Por quê? Aí, eu te respondo: Sei lá, só sei que é assim! haha Ah! Se for utilizando o rolo, não esquece de colocar a massa entre plástico filme, pra não grudar.
Daí quando o recheio tiver frio, coloca e fecha com tirinhas. Também pode ser toda fechada. Eu gosto das tirinhas porque fica bonitinho, né? :D E também porque eu gosto de um trabalho... ¬¬ haha Mas só parece, porque é mega fácil de fazer. E quanto mais prática você for pegando, mais rápido vai saindo.
Depois de pincelar com gema de ovo, coloco no forno em temperatura média (180 a 200°) pré-aquecido e deixo de 25 a 30 minutos, porque além de pequena, a forma é rasa e eu gosto da massa fininha. Isso também pode depender, mas é só ficar de olho.

E aqui está a torta depois de pronta. Fica gostosinha. Eu prometo! haha


Já pode tentar fazer, é super fácil e tem o selo Gordon Ramsay de aprovação! hahah

"Oh, my bloody Queen! This chicken pie is so bloody delicious, I can't live without it anymore!" 
(com sotaque britânico)

HAHAHA. Até mais! :)

Esse post tem um oferecimento de Receitas.com! (hahahaha Nooot!)

comments powered by Disqus